EXEMPLO
Sistema de franquias é tema de encontro promovido pelo Conjove

Representantes de quatro redes de franquias nacionais apresentaram dados sobre o setor em evento realizado na semana

24/11/2015

Na hora em que uma pessoa decide empreender, as opções são variadas. Mas adquirir uma franquia é uma das melhores opções existentes no mercado, segundo estudos de vários institutos brasileiros. Para abordar este tema, mais atual que nunca, o Conselho do Jovem Empresário (Conjove) da Aciu (Associação Comercial, Industrial e Agrícola de Umuarama) promoveu na noite desta quarta-feira (18) o evento “Franquias – O potencial da cidade dito por quem tem informação”. Representantes de quatro franquias falam a um público atento presente no auditório do Hotel Caiuá.

O primeiro empresário a se apresentar foi Thiago Ramalho, diretor da rede de sorveterias Gelaboca. Ele destacou que as franquias têm um risco sete vezes menor que qualquer outro tipo de investimento, porém é preciso trabalhar muito, se dedicar totalmente ao negócio. “Quem investe em franquias está comprando um sonho. A pessoa deve gostar muito de trabalhar e, no nosso caso, saber que terá de trabalhar sábados, domingos, feriados, Natal, Ano Novo, enfim, tem que dedicar a vida a fazer o negócio girar. Mas a garantia de sucesso é incrivelmente grande”, falou.

Como dicas para quem quer ser um franqueado – de qualquer ramo – o Ramalho falou que alguns pontos devem ser observados. “Optar por uma franquia é apostar em um modelo testado e comprovado, com a garantia de receber treinamento, contar com apoio de marketing e saber que se tem em mãos um produto exclusivo. No mais, é trabalho e mais trabalho”, afirmou o empresário, relatando que a Gelaboca possui hoje 40 lojas em um raio de 100km de Maringá e mais a unidade de Umuarama, que fica na avenida Maringá.

O próximo case de sucesso a ser apresentado foi o da loja de calçados Arezzo, que abriu suas portas na cidade há dois meses. A empresária Regina Célia Rodrigues Lima contou que ser uma franqueada é algo excelente por vários motivos, mas o principal deles é saber que seu produto é exclusivo e que o público paga o preço por este diferencial. “A estrutura administrativa que a franqueadora [Arezzo] oferece é espetacular. O suporte dado para o franqueado é perfeito, tudo é feito com base em estudos, em experimentos, em pesquisa de campo. O sucesso vem do trabalho”, resume.

Quem também apostou em abrir uma franquia na cidade foi Vinícius Lima, jovem empreendedor que está à frente da Chilli Beans, rede de óculos fashions. “Aliás, a Chilli Beans acaba de ganhar o prêmio de melhor franqueadora do Brasil em 2014, título dado pela Associação Brasileira de Franchising (ABF). São mais de 700 lojas e pontos de vendas em todo Brasil. Trabalhamos com um produto absolutamente exclusivo, que é conceito de luxo, de modernidade, que confere ao cliente a garantia de que ele não é mais um na multidão. Tendo um produto excelente à disposição, restam os devidos investimentos em atendimento perfeito e um relacionamento também exclusivo com os clientes”, comentou.

 

Águas tranquilas

Um dos empresários mais premiados e influentes do País, o paulista Delfino Golfeto é o diretor da rede Água Doce Sabores do Brasil, que tem uma franquia em Umuarama. Criada em Tupã (SP) em 1990, a Água Doce Cachaçaria tem hoje mais de 150 unidades. Tecnólogo em açúcar e álcool, Delfino gerenciava uma usina quando decidiu criar a empresa, que em 1992 tornou-se uma rede de franquias e entrou para a ABF no ano de 1997. Ele foi escolhido para a comissão de ética da ABF e destacou as vantagens do mercado. “É muito difícil avançar com um negócio sozinho. Quando você abre uma franquia, está adquirindo um nome de credibilidade e consolidado e corre menos riscos. Porém, hora de escolher uma rede de franquia é importante optar por uma área que você goste e tenha aptidão e seguir as regras que a rede prega. Na hora de decidir é bom também saber há quanto tempo existe essa franquia, conversar com os franqueados e saber se eles estão satisfeitos, se têm lucro”, opinou.

O empresário fez questão de deixar claro que é preciso trabalhar muito quando se quer vencer na vida. “É preciso ser persistente, sem nunca confundir com teimosia. Sorte não existe, infelizmente, por isso eu sempre brinco que quanto mais eu trabalho 20 horas por dia, mais perto da sorte eu fico. Quem trabalha bastante, com dedicação, afinco, vontade, respeitando seus clientes e valorizando sua equipe de trabalho, com certeza colherá bons frutos. E lembrem-se também: Deus está na simplicidade, na humildade”, pontuou. Após o evento houve confraternização na unidade local da Cachaçaria Água Doce.

 

Clique para ampliar a foto
Praça Hênio Romagnolli, 3800 87501-190 - Umuarama/PR
Telefone

  • 44 3621-6700
  • 44 98422-1493
Facebook Twitter
Prestige